Cultura Mato Grosso do Sul

Com muita alegria e devoção, Banho de São João atrai 30 mil pessoas em Corumbá

Não realizado por dois anos, por conta da pandemia do coronavírus, o Banho de São João de Corumbá retomou em grande estilo na noite de 23 e madruga...

24/06/2022 13h55
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Sílvio de Andrade
Sílvio de Andrade

Não realizado por dois anos, por conta da pandemia do coronavírus, o Banho de São João de Corumbá retomou em grande estilo na noite de 23 e madrugada desta sexta-feira (24). A descida dos andores – mais de 120, entre 94 cadastrados e anônimos – ocorreu em clima de muita alegria e fé, com os corumbaenses demonstrando a satisfação de promover e participar de uma das maiores festas juninas do Brasil.

O ritual do banho ou batismo da imagem do santo no Rio Paraguai – acredita-se que neste dia, o 23, as suas águas são sagradas e inicia-se o processo de vazante – transcorreu por toda a quinta-feira, mas foi a noite que houve maior concentração dos andores e presença de um grande público (os órgãos de segurança estimaram em 30 mil pessoas no porto-geral da cidade). O último andor desceu já na madrugada de sexta-feira.

Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), a festa manifesta o sincretismo religioso, sobretudo entre o catolicismo e as religiões de matrizes africanas. A celebração única no Brasil atrai centenas de turistas do Estado (principalmente de Campo Grande) e outras regiões do país. “É muito emocionante ver essa religiosidade tão espontânea”, afirmou Maria José dos Santos, 66, de São Paulo.

Fé, devoção e renda

A descida dos andores, desde pequenas ornamentações a grandes arranjos que precisam ser carregados por quatro pessoas alternadamente, é precedida de cerimônia religiosa, realizada na casa dos festeiros com a reza e agradecimentos por graças alcançadas (a maioria cura de doenças). Os fiéis seguem a pé em direção ao rio e retornam para os locais das festas, onde há muita comida e bebida e danças típicas, sem horário para acabar.

A retomada do Banho de São João contou com o apoio do Governo do Estado, com recursos da Fundação de Cultura para custear o cachê dos shows nacionais (a dupla Rick & Renner, que abriu a festa na madrugada desta sexta-feira, e a banca carioca Forróçacana, atração de domingo). O prefeito corumbaense, Marcelo Iunes, disse que a prefeitura investiu mais de R$ 1 milhão e espera um movimento na economia local de R$ 6 milhões.

“Agradecemos a todos que prestigiam essa grande festa, que para nós é importante, não só no aspecto religioso, como também cultural e, principalmente, na geração de renda e emprego para nosso município. Agradecemos ao governador Reinaldo Azambuja, nosso grande parceiro no desenvolvimento de Corumbá”, disse Iunes. A praça de alimentação, no porto-geral, segundo ele, vai gerar 400 empregos, beneficiando 180 famílias.

Programação

Nesta sexta-feira, a programação do Banho de São João tem sequência com apresentação de quadrilhas juninas, a partir das 18 horas; às 20h, começa o show de Ize; às 21h30, a apresentação de Jaison Sudário e, às 23h, o da Gurizada Baileira. Às 0h30 a atração principal da noite, João Paulo e Dudu (com participação especial de Marinho e Rafael) sobe ao palco.

No dia 25, sábado, o concurso de quadrilhas começa às 18 horas. Às 20 horas começa a apresentação de Ronny Alejandro; às 21h30 a de Tiel e Renan; e às 23h a d’Os Garotos. Cristiano Garcia encerra a noite, com show que começa às 0h30.

No domingo, dia 26, Laryssa Alencar e banda se apresentam às 19 horas; às 20h30 terá início o show regional da dupla Leandro e Gaelano (com participação especial de Bernardo Paredes); e às 22 horas o show nacional do conjunto Forróçacana.

Texto: Subsecretaria de Comunicação

Fotos: Sílvio de Andrade