Política Declaração

Maia afirma que Bolsonaro foi equivocado ao atacar imprensa e governadores

Presidente da Câmara ainda orientou a população que siga as normas determinadas pela OMS e pelo Ministério da Saúde

25/03/2020 05h46
244
Por: Redação Fonte: O Tempo
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que Jair Bolsonaro se equivocou ao atacar a imprensa, os governadores e especialistas em saúde pública. O parlamentar se manifestou em relação ao pronunciamento oficial do presidente na cadeia nacional de rádio e televisão na noite desta terça-feira (24).

Por meio do seu perfil no Twitter, Maia afirmou que, desde o início dessa crise da pandemia do novo coronavírus, vem pedindo “sensatez, equilíbrio e união”. Em pronunciamento, Bolsonaro disse que a pandemia do novo coronavírus é uma "gripezinha", criticou a imprensa e defendeu o fim da quarentena. 

"O momento exige que o governo federal reconheça o esforço de todos - governadores, prefeitos e profissionais de saúde - e adote medidas objetivas de apoio emergencial para conter o vírus e aos empresários e empregados prejudicados pelo isolamento social", disse o presidente da Câmara.

Ele ainda orientou a população a seguir as normas determinadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde “em respeito aos idosos e a todos que estão em grupo de risco”.

O presidente da Câmara ressaltou que o Congresso estará atento e votará medidas importantes para conter a pandemia e ajudar os empresários e trabalhadores. "Precisamos de paz para vencer este desafio”, completou.

Diferente do esperado no meio político, Maia não fez nenhuma citação aos pedidos de impeachment contra Bolsonaro.