camara
Acordo

Acordo permite que a polícia de MS continue perseguições em países vizinhos

Por meio de nota, a PRF também sinalizou de forma positiva para o acordo.

07/11/2019 19h33
Por: Silvio Dias
Fonte: Midiamax
193

O Ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro firmou nesta quinta-feira (07) acordo com países do Mercosul que vai facilitar o combate ao crime na fronteira. A proposta permite que, em caso de perseguição, policiais brasileiros poderão atravessar a linha internacional e continuar as buscas no país vizinho por até um quilômetro, sem a necessidade de autorização.

O secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Antônio Carlos Videira, afirmou que as polícias de Mato Grosso do Sul mantêm estreita relação com autoridades dos países vizinhos, a exemplo de Bolívia e Paraguai.

“Quando se faz necessário o ingresso da ação policial nos países vizinhos as forças de segurança da respectiva localidade é que fica responsável pela ação”, pontuou Videira.  

Para ele, o acordo permitirá que as ações não sejam interrompidas por conta dos limites territoriais, mas é claro que no caso de Mato Grosso do Sul, as forças de segurança vão sempre buscar a participação das instituições de segurança vizinhas na realização das diligências em seu território.

Por meio de nota, a PRF também sinalizou de forma positiva para o acordo. “O acordo acima ajudará em muito no combate aos crimes na fronteira, já que muitos criminosos se aproveitam dessa região para atravessar a faixa e ficar impunes logo após o cometimento do delito.”

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.