Acusado de matar e carbonizar mulher é preso diz ter cometido crime por vingança

0
301
Suspeito preso na delegacia de Ponta Porã. - Crédito: (Porã News)

Claudemir Barbosa Ferreira, 23, foi preso na tarde de ontem (30/6) acusado de matar Maria Cristina Rojas, 54, encontrada carbonizada pela manhã na casa onde morava, em Ponta Porã. O suspeito disse ter cometido o crime por vingança depois de saber que a vítima tinha intenção de mandar matar o irmão dele.

Conforme o Porã News, o autor contou à polícia que, na noite de sábado (29), aproveitou que a vítima estava em um bar e se aproximou dela. Após algum tempo bebendo, Maria Cristina teria o convidado para ir até a casa dela.

Durante a madrugada, Claudemir confessou que deu um mata-leão na mulher, que desmaiou. Em seguida, ele a deixou em cima da cama, ateou fogo no colchão e fugiu do local.

Após o crime, o suspeito se escondeu na casa da mãe, no Assentamento Itamarati. Por volta das 15 horas, policiais foram até o local depois de receber denúncia de que Claudemir estava na região. Ele foi preso enquanto tentava se esconder em um dos cômodos da residência.

Dois rapazes que estavam na casa, um de 23 e outro de 24 anos, também foram presos porque foram flagrados com um revólver calibre 38.

Deixe uma resposta