Menino de 11 anos morre em UTI e é a 5º vítima de dengue

0
57
Hospital Universitário é único com UTI pediátrica na cidade - Foto: Foto: Dourados Agora

A dengue fez a 5º vítima em Mato Grosso do Sul, na madrugada desta sexta-feira (22). Um menino de 11 anos, faleceu às 3h35 de dengue hemorrágica na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Universitário, em Dourados.

Na cidade, este é o primeiro caso de morte por dengue, neste ano. O jovem foi transferido de um hospital para o HU, por volta das 7h de ontem (21). O quadro dele era grave e às 3h35, ele faleceu na UTI.

O HU tem a única UTI pediátrica na cidade. A mãe e o pai do menino são médicos.

Segundo o boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES) atualizado ontem (21), Dourados está fora do quadro de cidades de alta incidência de dengue.

Dourados tem 207.498 habitantes, sendo que 481 pessoas foram diagnosticada com a doença.

Com mais esse registro, Mato Grosso do Sul tem a 5º morte causada por dengue este ano. Em Campo Grande duas pessoas morreram e em Três Lagoas, duas mortes pela doença também foram confirmadas.

A Capital vive uma epidemia da doença. A quarta morte foi um idoso de 78 anos que faleceu no dia 19 de março. O outro registro foi um homem de 72 anos, no dia 27 de janeiro.

Já em Três Lagoas, a 324 quilômetros de Campo Grande, a morte ocorreu no dia 10 de fevereiro e a vítima era uma mulher de 56 anos. Três Lagoas já havia confirmado a morte de uma mulher de 76 anos por dengue em fevereiro.

Quinze municípios do Estado registram epidemia de dengue, que é quando há mais de 300 casos para cada 100 mil habitantes.

Correio do Estado

Deixe uma resposta