PROCON de Amambai vai ter canal direto com CIPE

0
44
Chefe do PROCON de Amambai, Jabes Moreira Brum, o secretário de Comunicação, José Aguiar, a representante da Oi Telefonia, Caroline, e o superintendente do Procon estadual, Marcelo Salomão / Foto: Assessoria
Resposta aos consumidores será mais rápida a partir do mês de março.

O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON) de Amambai dará uma resposta mais rápida aos consumidores a partir do mês de março. O benefício será possível através da instalação da Carta de Informação Preliminar (CIPE), que permitirá um canal direto online com o Procon estadual e com as empresas conveniadas.

Uma reunião com este objetivo foi realizada na manhã da última quinta-feira (8) na Prefeitura de Amambai com a presença do chefe do PROCON de Amambai, Jabes Moreira Brum, do secretário de Comunicação, José Aguiar, da representante da Oi Telefonia, Caroline, e do superintendente do Procon estadual, Marcelo Salomão.

Segundo Marcelo Salomão, a CIPE será instalada em todos os 31 municípios do Estado onde tem o Procon. “Aqui em Amambai encontramos um Procon bem estruturado e atuante, e agora com a CIPE o consumidor será ainda melhor atendido em seus direitos”, comentou Salomão.

Maiores queixas

Segundo Marcelo Salomão, as principais reclamações dos consumidores no Estado são em primeiro lugar sobre os serviços de telefonia, em segundo lugar vem os atendimentos nos bancos como fila de espera e demais serviços, e em terceiro lugar as concessionárias de energia e água.

Em relação ao serviço de energia prestado pela Energisa em Amambai, alvo de muita reclamação, inclusive com a realização da audiência pública na Câmara de Vereadores, Salomão disse que irá chamar os representantes da empresa para dar explicações e apresentar soluções para os problemas como queda de energia, e se houver danos e prejuízo ao consumidor, a Energisa terá que ressarcir.

Nos dias 22 e 23 de março o Procon fará um encontro estadual em Costa Rica com todos os representantes dos municípios para tratar destes assuntos que objetivam dar resposta mais rápida na defesa dos direitos dos consumidores.

Deixe uma resposta